14.5.13

Resenha: Jogos Vorazes


Jogos Vorazes - Suzanne Collins
397 páginas


"- Ela tem outro cara? - Pergunta Caesar.
- Eu não sei, mas muitos outros garotos gostam dela - diz Peeta.
- Então, faça o seguinte. Ganhe, volte para casa. Ela não pode te recusar então, hein? - diz Caesar.
- Eu não acho que vai funcionar. Ganhar... não vai ajudar no meu caso - diz Peeta.
- Por que não? - diz Caesar, perplexo.
Peeta cora um tom de beterraba e gagueja.
-Porque... porque... ela veio aqui comigo."


No território onde estava situada a extinta América do Norte, agora existe um país chamado Panem. No princípio, a nova nação era formada por 13 distritos e uma sede, a Capital, que controlava a todos.
Porém os distritos se rebelaram contra a tirania da Capital, mas acabaram perdendo a guerra. Como castigo pela revolução, a sede de Panem extinguiu o Distrito 13 e encontrou uma forma de lembrar sua superioridade ao povo instituindo os Jogos Vorazes, onde um casal, entre 12 e 18 anos, de cada um dos distritos restantes, são obrigados a se digladiar até que só um sobreviva. O vencedor dos Jogos é recompensado com dinheiro e fama.
Detalhe: os Jogos Vorazes são transmitidos ao vivo para todo o país, permitindo que a população se divirta com a morte das crianças, chamadas, nesse caso, de tributos.

Nesse cenário caótico, conhecemos Katniss Everdeen, uma jovem que desde que perdeu o pai teve que assumir o sustento da família.
Eu acho impossível alguém ter lido a história dessa garota e não ter se afeiçoado a ela. Não só por todas as dificuldades (dificuldades mesmo!) que ela enfrenta dia após dia, mas também pela força que a fez, praticamente, resurgir das cinzas. Katniss é um exemplo!
Ela vive com sua mãe e com sua irmã, Prim, além de ter um amigo, Gale, que é praticamente da família.

No dia da colheita, onde os nomes dos participantes dos Jogos são sorteados, Katniss recebe a terrível notícia de que Prim será um dos tributos. Para evitar a morte da irmã, ela se voluntaria para ficar em seu lugar.
O outro nome sorteado é de Peeta, um jovem que marcou a vida de nossa protagonista... Mas engana-se quem pensa que marcou por ter sido um amor de infância ou algo do tipo, pois a questão é um pouco mais profunda do que isso.
A partir daí, Katniss, Peeta e os outros 22 tributos são levados para a Capital a fim de serem preparados e darem início aos Jogos.

Nessa primeira parte do livro, Suzanne Collins apresenta os personagens, explica um pouco sobre Panem e seus habitantes e mostra todo o processo de preparação dos tributos.
Na segunda parte, ela nos insere nos famigerados Jogos Vorazes, narrando desde o primeiro perigo que os jovens têm que enfrentar, até o momento em que ocorre a última morte (bem sangrenta, por sinal).

E o romance, onde fica?
Pois bem, não vou dizer que não há romance, há sim, mas eu não acho que o foco do livro tenha sido esse.
A relação, que eu não sei se é bem uma relação, entre Katniss e Peeta é mencionada na primeira parte, mas só se desenvolve de fato no final.
Portanto, eu acho que o foco do livro foram os Jogos, como tinha mesmo que ser.

Apesar de ter gostado muito (muito mesmo!) de Jogos Vorazes, acho que a autora foi muito objetiva com relação aos demais tributos, na verdade, objetiva até demais. Com certeza ela poderia ter detalhado mais sobre suas personalidades, mas preferiu transformá-los em meras peças de uma carnificina televisionada.
Talvez a intenção dela era essa mesmo, mas eu teria gostado mais se pudesse conhecê-los de verdade, a ponto de descobrir o que cada um despertaria em mim: uns ódio, outros compaixão...
Outra coisa que senti falta foi de mais detalhes (como eu gosto de detalhes, né?) sobre os outros Distritos, mas tenho a impressão de que esse meu anseio será atendido no segundo livro, então eu deixo passar (falou a crítica literária!).

No final das contas, esse é um livro muito bem escrito e que vale o investimento.
Pra você que vai começar a ler agora: feliz Jogos Vorazes! E que a sorte esteja sempre com você!

12 comentários:

  1. esse livro é uma doideira né?

    uahsuahs
    sou completamente apaixonada por essa série, apesar do ultimo ter me decepcionado um pouquinho... mas nada que comprometa meu amor por jogos vorazes!!
    resenha ÓTIMA! conseguiu pegar bem a essência do livro e passar pros leitores

    beijos

    <a href="http://livrodecapadura.blogspot.com.br/'>Livro de Capa Dura</a>

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Vânia! Eu estou no meio do segundo e estou gostando bastante!

      Excluir
  2. Como assim feliz jogos vorazes? DASDASKPDOASKDSAOPKDAPODKDOPAKDAPOSKDASOPDKASPODKASOP! Não tem nada de feliz em. Mas é isso aí, o livro é meio "cru" até porque se fosse falar um pouco de cada ia ficar um "GAME OF THRONES" (enorme). Mas é um livro muito bom, eu adorei!

    Beijos! Sete coisas pra você.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é! Eles dizem isso no livro, né?! Acho que é pq o pessoal da Capital acha os Jogos um super divertimento... Eu fiquei mal acostumada com Crônicas de Gelo e Fogo, agora quero que todos os livros sejam iguais! kkkkkkkk

      Excluir
  3. Oi, Mi!
    Esse seu "feliz Jogos Vorazes! E que a sorte esteja sempre com você!" me fez querer muito ler esse livro. Já está entre minhas próximas compras.
    Gostei muito da sua resenha, como sempre! :)
    Beijos!

    Café com Leituras!
    http://cafecomleiturasneriana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Neri! Vc que é uma fofa, como sempre! ;)

      Excluir
  4. Mi!
    Que bom que gostou de JV!! Eu amo a série!
    Mas ACdGeF me deixaram mal acostumada também, estou apaixonada por livros grandes, com muitos detalhes.

    Amei a resenha!
    http://oacucareiro.wordpress.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, Hellen! E eu acho que vai ser difícil encontrar um livro que supere Crônicas...

      Excluir
  5. Oie, Mi! :)
    Tem selinho esperando por você no meu blog.
    Espero que goste!!! :)
    Beijos!

    Café com Leituras!
    http://cafecomleiturasneriana.blogspot.com.br/2013/05/tag-selinho-one-lovely-blog-award.html

    ResponderExcluir
  6. Oi!
    Já li a trilogia e amei! O melhor de todos é o segundo, Em Chamas! O último me decepcionou um pouco, mas mesmo assim gostei muito!
    Te marquei numa tag lá no meu blog, passa lá:

    http://livroscontosesonhos.blogspot.com.br/2013/05/tag-e-selinho-12-livros-em-12-meses.html

    Beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Todo mundo me diz que gostou mais do segundo e se decepcionou com o último, Larissa... E eu fico cada vez mais curiosa!

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...