27.8.13

Entrevista com Camila Fernandes, autora de Reino das Névoas

Camila Fernandes é autora do livro Reino das Névoas - Contos de Fadas para Adultos, além de ter publicado contos em algumas coletâneas.

Além de escritora, Camila tem outras ocupações, como por exemplo a de ilustradora. Inclusive, foi ela quem fez as ilustrações belíssimas de Reino das Névoas. Depois da entrevista vou mostrar umas fotos só pra vocês sentirem o drama.

Pra quem ainda não conhece Reino das Névoas, eu super recomendo! Em breve terá resenha dele aqui no blog!

Agora deixo vocês com uma entrevista exclusiva onde a autora falou sobre seu livro, projetos futuros e outras cositas mas...



Fale um pouco sobre você para os leitores.
Sou paulistana, tenho 32 anos e trabalho como tradutora, preparadora e revisora de textos freelancer, o que significa que passo o dia todo lendo e/ou escrevendo. Às vezes também sou ilustradora. Sou ateia, vegetariana, feminista e chata pra caramba. :-) Desde 2005 venho participando de diversas antologias literárias e em 2010 ganhei uma bolsa do ProAC - Programa de Ação Cultural da Secretaria de Estado da Cultura para bancar a publicação de meu livro "Reino das Névoas - contos de fadas para adultos". Lancei-o pela Tarja Editorial com ilustrações minhas.

Como você percebeu que poderia se tornar uma escritora?
Sempre gostei muito de ler e de imaginar os desdobramentos das histórias que lia. Acho que começar a imaginar minhas próprias histórias foi um resultado natural disso. Escrevi meu primeiro conto aos 11 anos, mas era uma bobagem qualquer. Aos 13 tentei escrever um romance sobre adolescentes tentando montar uma banda de rock (risos!), mas saiu pior ainda. E aos 16 decidi que nunca pararia de tentar, mesmo que às vezes ficasse uma porcaria ou que eu precisasse trabalhar em alguma área que não tivesse nada a ver com literatura. Já quis ser astrônoma, guitarrista e psicóloga. Já fui secretária, professora de pintura digital e ilustradora. De certa forma, ainda sou ilustradora. Trabalhei muito tempo nisso, paralelamente a meu trabalho como revisora. Hoje, invisto mais no trabalho com texto, por uma série de razões. Desenho quando aparece algum projeto muito atraente - e quando tenho tempo, o que é raro, pois trabalhar com literatura realmente toma meus dias.

Seu livro Reino das Névoas traz contos de fadas para adultos. O que os leitores podem esperar desses contos repaginados?
Não são contos repaginados. Explico: muita gente acredita que as histórias de "Reino das Névoas" são releituras dos contos clássicos, mas a proposta não é essa. São contos que procuram resgatar o clima dos contos de fadas originais, nos quais nem tudo era tão fofinho e nem todos os finais eram felizes. Em alguns dos meus contos você perceberá claramente elementos da Chapeuzinho Vermelho, da Bela Adormecida e da Branca de Neve (principalmente ela!), entre outros, mas a ideia não é recontar esses clássicos. É criar histórias com elementos reconhecíveis, como princesas, príncipes, bruxas, feras, animais falantes etc., mas cada conto com sua própria trama.

Você teve dificuldades para publicar seu livro? Conte-nos como foi essa trajetória.
Tive a grande felicidade de mandar meu projeto para o ProAC a tempo e ser selecionada para uma das bolsas. Além da verba da bolsa, eu já era amiga e prestadora de serviços da Tarja Editorial, à qual ofereci o livro, e os editores o aceitaram. Então, não foi difícil publicá-lo. Mas essas são circunstâncias especiais. No começo, pode ser muito difícil conseguir um espaço. Participei de cerca de 9 coletâneas com outros autores antes de publicar meu próprio livro, até para sentir qual era a recepção dos leitores ao meu trabalho. Entrar numa editora é difícil, por isso muitos escritores, no começo, optam pela autopublicação, vendendo seus próprios livros e formando um público leitor.

Você também participou de antologias. Como foi essa experiência?
Foi muito boa, pois tive a chance de receber opiniões sobre meu trabalho e de conhecer muitos outros autores que, assim como eu, estão batalhando para manter essa carreira que, para quase todo mundo, é paralela ao ganha-pão. Há muita diversidade de estilos, por parte dos outros autores das coletâneas, de de opiniões, por parte dos leitores. Tudo isso enriqueceu minha bagagem cultural e meu senso crítico.

Já sabemos que seu próximo trabalho será um livro escrito e ilustrado por você mesma. Você pode nos contar mais sobre isso?
Trata-se de um romance no mesmo estilo dos contos de "Reino das Névoas", mas naturalmente com uma trama mais complexa e longa do que as dos contos. Nele, quero novamente fazer o que fiz em RdN e usar a fantasia para falar da realidade, aproveitando a força simbólica dos elementos dos contos de fadas. Alguns dos temas abordados são a natureza do poder e os estereótipos de gênero feminino e masculino. ;-)

Quais autores você usa como referência? Tem algum preferido?
Tudo que leio e gosto me influencia de alguma forma. Então, acho difícil enumerar autores como referência, pois fatalmente deixarei alguém importante de fora. Mas uma autora que gosto de citar como referência é Marina Colasanti. Seu jeito de escrever contos de fadas é extremamente poético e ao mesmo tempo simples, minimalista, sem frescura. Neil Gaiman também é uma influência, embora eu tenha lido mais do trabalho dele em HQs do que em livros.

Quais obras, além da sua, você indicaria para os leitores do blog?
Já li muita coisa, mas vou indicar as coisas mais legais que li nos últimos anos sem me concentrar na temática: "Fábulas do Tempo e da Eternidade", de Cristina Lasaitis; "Cira e o Velho", de Walter Tierno; "As Crônicas de Artur", de Bernard Cornwell; "Baudolino", de Umberto Eco; "Trilogia Millenium", de Stig Larson; "A Song of Ice and Fire", de George R. R. Martin (meio óbvio, né?).

Deixe uma mensagem para quem deseja se tornar escritor algum dia.
Escreva sempre. Leia muito. Diversifique os gêneros que lê. Aceite diferentes influências. Saiba receber e filtrar críticas, aceitando aquelas que realmente podem aprimorar seu trabalho e descartando aquelas que procurem transformá-lo em algo que você não deseja. Nunca pense que você é tão bom que não possa se tornar ainda melhor. Experimente, publique algo, nem que seja em seu próprio blog. Antes de achar que seu livro está perfeito, contrate um leitor crítico profissional para avaliá-lo e/ou peça a pessoas de senso crítico muito apurado que o leiam e critiquem, de forma que você possa apurar todos os possíveis furos na sua trama e possa corrigi-los antes de pagar o micro de enviar um livro "cru" a uma editora. Antes de enviar um original a uma editora, avalie se o seu livro corresponde ao tipo de obra que essa editora publica. E saiba que publicar pode ser difícil, mas difícil não é impossível. ;-) Obrigada, Michelly, pela oportunidade de falar um pouco do meu trabalho no seu blog!


Eu que agradeço a confiança e a oportunidade de ler seu livro incrível, Camila! 

Se vocês quiserem comprar o livro Reino das Névoas, é só tratar diretamente com a autora através do e-mail milaf.autora@gmail.com. Quem disser que viu o livro aqui no blog terá um desconto especial, além de frete grátis para todo o Brasil!

14 comentários:

  1. Oi, Mi! Nossa, tava sumida, né? Quanta postagens legais passou por aqui esse tempo que eu não me fiz presente. :) Tava com saudade!!!

    Adorei essa entrevista e fiquei bem curiosa com esse livro dela, o nome é muito legal.

    Te indiquei para responder uma tag, depois confere lá! :)

    Beijos!

    Café com Leituras!
    http://cafecomleiturasneriana.blogspot.com.br/2013/08/tag-como-eu-leio.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Neri! Tava sumida mesmo, pode não! :/ O livro é ótimo, acho que vc iria adorar! Vou lá ver a tag agora mesmo... :)

      Excluir
  2. As imagens do livro são lindas!!! Sempre quis colocar imagens assim nos livros que escrevo. Acho perfeito!
    Não conhecia a autora, mas amei o cabelo dela, e não conhecia a obra.
    Bom sempre conhecer novos autores!

    bjus
    terradecarol.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As ilustrações dela são incríveis mesmo e eu só coloquei duas, tem muito mais! :)

      Excluir
  3. Ótima entrevista! Adoro conhecer mais os novos escritores e a forma como eles trabalham!

    Abraços, Isabela.

    www.universodosleitores.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E essa é uma escritora que vale a pena conhecer mesmo, Isa! Ela é ótima!

      Excluir
  4. Ela gosta de ASOIAF heuaheua, que linda. E esse livro, essas ilustrações? Quanto talento, hein kkkkkkk.

    Gloria, Leitura e Pipoca.
    http://leituraepipoca.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Eu super me interessei pelo livro dela agora.

    bjs
    http://letrasdanana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Adoro conhecer novos autores e seus trabalhos,
    o lirvro dela é muito bonito vale a pena ser lido!!!
    bjs
    livrosajaneladaimaginacao.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Ei Miii :D Adorei a entrevista!!!
    Esse livro já está na minha listinha, só falta poder efetuar a compra :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Entra em contato com a autora, Biel, ela faz um super desconto se vc falar que viu aqui!

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...