25.10.13

Resenha: 1984


1984- George Orwell
416 páginas


"Guerra é paz.
Liberdade é escravidão.
Ignorância é força."


Winston Smith vive na Oceania, uma das três nações existentes no futurístico ano de 1984. Bom, pelo menos era futurístico em 1948, ano em que o livro foi finalizado (sendo publicado em 1949).
O lugar é controlado pelo Partido, uma organização política totalitarista que tem como líder a figura emblemática do Grande Irmão.
A vida da população é observada em absolutamente todos os lugares, através de teletelas. O governo, por sua vez, reprime qualquer manifestação de pensamento que vá de encontro às atitudes do Partido.
Acontece que Winston não está satisfeito com a vida que leva, o que o deixa inquieto e provoca questionamentos que podem lhe custar muito caro.
Seu espírito libertário se torna ainda mais aguçado quando ele conhece, e se apaixona, por Júlia. Os dois passam a viver um tórrido caso de amor, mas o Grande Irmão está de olho e não vai perdoar essa afronta...

Junte um enredo interessante, com uma narrativa magistral e personagens extremamente realistas. O resultado será 1984.
Porém, acima da obra está o autor. George Orwell conquistou meu respeito e admiração de maneira inquestionável ao apresentar um dos textos mais inteligentes, senão o mais, que já li na vida! Sério, estou encantada...
Uma das coisas que mais impressiona sobre 1984 é que, apesar de ter sido escrito há 65 anos, sua narrativa continua sendo atual, e tudo indica que assim será por muito tempo ainda. As críticas feitas à sociedade daquela época se encaixam perfeitamente hoje em dia.

Você já parou pra pensar que somos vigiados dia e noite? Seja por ações de governos que se acham os donos do mundo e espionam não só a sua como também outras nações – oi, EUA? –, seja por nossa própria vontade, quando divulgamos até o que comemos em nossas redes sociais. Essas são nossas teletelas.
Você já percebeu quantas tentativas de manipulação sofremos todos os dias? E aqui podemos destacar a mídia tendenciosa, a qual impõe seu pensamento à população como se esse fosse o único e o correto. O mais triste é que, muitas vezes, esse tipo de imprensa consegue direcionar o pensamento das pessoas para onde eles querem. Manipulação pura, assim como, guardadas as devidas proporções, Winston era obrigado a fazer, reescrevendo a história dos livros e jornais, modificando os fatos de acordo com os interesses do Grande Irmão.
Você já notou que os maus governantes fazem de tudo para coibir o desenvolvimento do raciocínio crítico da população? Ou você acha que o fato deles não investirem em educação é simplesmente por falta de verbas? Uma população bem educada estaria atenta aos desmandos de políticos corruptos, e eles não querem isso... Melhor deixar o povo na ignorância mesmo, assim ninguém reclama de nada, e, quando reclama, não tem informações suficientes para lutar corretamente pelos seus direitos. Essa situação foi retratada por Orwell no seu Dois Minutos do Ódio, quando as pessoas gritam e ofendem um inimigo que eles nem sabem se existe, ou se realmente é o verdadeiro algoz da história.

Dentre as partes da narrativa que mais me afetaram estão a explicação do processo de luta pelo poder envolvendo os altos, médios e baixos e, lógico, o quarto 101. Ambos abriram meus olhos para questões profundas do ser humano as quais eu, vergonhosamente, nunca havia parado pra pensar.
No mais, fica o ensinamento de que 2 + 2 = 4. E nada muda isso. 

14 comentários:

  1. Cara, eu adoro essas distopias antigas! Apesar da maioria delas não ter personagens cativantes, os enredos são ótimos e ainda hoje em dia, super atuais. Postei hoje a resenha de Admirável mundo novo e só senti isso lendo, a completa relação com meu mundo consumista hoje em dia. Me lembra aquela música do Pink Floyd: Another brick in the wall.
    Bom, sua resenha esta fantástica!!!!!!!!!!

    bjus
    terradecarol.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tô louca pra ler Admirável Mundo Novo, Carol! Vou correndo lá ler sua resenha!

      Excluir
  2. Amiga não conhecia esse livro mais me interessei muito pela sua resenha, muito boa!
    Gostei desses dizeres ...
    Guerra é paz.
    Liberdade é escravidão.
    Ignorância é força."
    Bjkas
    Dani Casquet- Livros, a Janela da Imaginação

    ResponderExcluir
  3. Eu adoro esse livro. Coloca a gente pra divergir e mais, pensar bastante. Gostei mais ainda daquela imagem que fizeram com Obama, representando o Grande Irmão. Tudo a ver :/
    Adorei a resenha, disse tudo. (=
    Beijo Mi!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Coloca a gente pra pensar, exatamente isso, Vi! :) Eu vi a charge do Obama, mas eu ligo mais o Grande Irmão com alguns ditadores, apesar de saber que os EUA querem dominar o mundo! hehe

      Excluir
  4. Legal isso. Um livro escrito em 1948 que diz respeito a 1984. E o mais legal é que conseguiu se adequar à realidade do futuro. Fiquei curioso para ler.

    Bjs

    www.teoriasdoleaodamontanha.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É um livro mt bom, que só tem a somar na sua vida :)

      Excluir
  5. Perfeita sua resenha, Mi. Com certeza só fiquei com mais vontade de ler esse livro, que por sinal, foi escrito a tanto tempo atrás e é super atual, né?
    Gosto muito da escrita do Orwell e tenho alguns livros dele aqui, só me falta esse. :)
    Beijos!

    Café com Leituras!
    http://cafecomleiturasneriana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu só tenho e só li esse, Neri. Agora quero Revolução dos Bichos!

      Excluir
  6. Mi, que resenha é essa? Já tinha lido outras sobre esse livro, e realmente fiquei com muita vontade de ler, ainda não li nada do autor, ultimamente ando lendo coisas leves, estou em uma fase light.... mas com certeza esse é um livro que gostaria muito de ler.
    Bjks

    Patty Santos - Blog Coração de Tinta
    http://www.coracaodetinta.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Qd vc animar, lê sim Patty! Vale a pena... :)

      Excluir
  7. Alguns minutos no seu blog e minha lista de "vou ler" só aumentando...rs!
    Excelente resenha! Não sei se já leu Revolução dos Bichos: leitura extraordinária.
    Beijos

    https://livrosrocknrolleoutrosvicios.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Andreia! Já li sim, tem até resenha! Tb achei incrível e recomendo pra todo mundo!

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...