3.1.15

Resenha: Mentiras


Mentiras - Michael Grant
378 páginas


"O som daquilo tudo, as pancadas, rasgos e estrondos súbitos, juntava-se aos estalos e sopros o fogo que abria caminho pelo lado oeste da rua.
Eram os sons de Praia Perdida morrendo."


Só comecei a ler a série Gone depois que já tinha comprado os três primeiros volumes, pois tinha certeza que ia me apaixonar pela história e, consequentemente, ia querer ler tudo de uma vez. Li Gone e gostei muito, mas não pude ler Fome logo em seguida porque tinha compromissos com editoras e autores parceiros que precisavam da minha atenção imediata. Assim que pude peguei Fome pra ler, e ao contrário do que imaginava, o começo dele foi cansativo e quase me fez desistir da saga. Porém fui brasileira, não desisti e fui recompensada com um final empolgante o suficiente pra que eu fosse correndo ler Mentiras. E aí aconteceu a mágica: finalmente consegui sentir o deslumbramento que quase todo mundo sente por essa série.

Com a Escuridão aparentemente enfraquecida e Drake morto, os responsáveis pelos problemas do LGAR agora são Zil e sua Galera Humana, os quais incentivam, cada vez mais, o clima de rivalidade entre normais e aberrações.
O Conselho parece servir apenas para que Sam e Astrid disputem quem tem as melhores ideias: enquanto Sam quer agir (o que eu acho que ele já devia ter feito há muito tempo) mas não age, Astrid é contra fazer justiça com as próprias mãos e defende a criação de leis, mas no final das contas não faz nada de útil além de cuidar do Pequeno Pete.
Mas o que nenhum deles parece ter percebido é que Caine não desiste facilmente de seus planos e já está buscando uma aliança com a Galera Humana para conseguir escapar ileso das garras fumegantes de Sam. O irmão do mau ainda tem uns poucos membros da Coates ao seu lado, entre eles, claro, Diana, e seu grupo está em condições complicadas a ponto de aderir ao canibalismo como estilo de vida.

Quando Orsay começa a fazer profecias sobre o “puf”, sempre contando com a ajuda de Nerezza, uma garota que ninguém havia notado ainda em Praia Perdida, Astrid resolve espalhar mentiras sobre a Profetisa, dividindo ainda mais as opiniões dos remanescentes do LGAR. Agora, além de divididos entre normais e aberrações, há também uma separação entre aqueles que creem em Orsay e os que acreditam em Astrid.
Como se não bastasse, os planos de Caine e Zil dão certo, e eles espalham o terror em Praia Perdida, a qual corre o sério risco de ser completamente destruída.

Nesse volume da série Gone, não só a ação foi mais desenvolvida, mas a personalidade e as relações entre os personagens também acompanharam esse ritmo. Desde o início da narrativa já é possível sentir uma grande tensão no ar, o que pra quem adora uma tensão, como eu, foi um prato cheio.
Nada nesse livro é o que parece. Michael Grant nos faz duvidar das profecias de Orsay, depois nos faz acreditar nelas, e por fim dá um nó tão grande em nossa cabeça que é impossível saber se tudo aquilo que o livro fala, do começo ao fim, é mesmo real.
As cenas fortes que o autor escreveu, tão polêmicas por se passarem com crianças, continuam a todo vapor. Muito sangue, muita violência, transtornos psicológicos e a maldade em seu mais alto grau estão presentes em Mentiras.

Somos apresentados a um novo grupo de personagens, cinco irmãos, adotados por um famoso casal de atores, que ficaram presos na ilha que moravam com a família. Eles se mantêm confortáveis e bem alimentados, mas, quando o mais novo pega uma gripe que não passa nunca, começam a estudar a possibilidade de sair dali e ver o que está acontecendo no continente. Essas foram as cenas que menos me agradaram, porém eu sempre soube que teriam um motivo para estar ali. E tem mesmo.
Sam e Astrid estão insuportáveis.
Sam diz que vai sair matando, que vai fazer e acontecer, mas envia o rabo entre as pernas logo na primeira oportunidade. No momento em que o pessoal de Praia Perdida mais precisa dele, cadê o herói? Tá no meio de uma crise existencial das bravas. Eu até entendo que é muita pressão sobre ele, mas não é o próprio Sam que sempre chama a responsabilidade pra si, inclusive ficando bravo quando as pessoas querem dividir um pouco mais as tarefas? Tá, vou dar um desconto porque no final ele até vira gente e faz alguma coisa...
Mas Astrid não tem desculpa. Gente, o que está acontecendo com aquela garota? Eu gostava tanto dela, mas de repente a irmã do Pequeno Pete se tornou soberba e dona da razão. Ela critica Sam por querer cuidar de tudo sozinho, mas não admite que alguém conteste suas ideias e quer que as pessoas façam tudo do seu jeito. E aquele fanatismo religioso dela também me irrita.
Três personagens – ou dois, dependendo do ponto de vista –, me surpreenderam ao mostrar quem eram de verdade. Achei toda aquela situação absurda demais, ousada demais e genial demais!

Dentre as coisas que mais gostei, e olha que eu gostei de praticamente tudo, a primeira foi o fato de que parece que o autor vai começar a dar mais destaque ao Pequeno Pete. Eu adoro esse personagem e não vejo a hora de ver todo o seu potencial desenvolvido. A outra é a forma com que aconteceu todo o clímax do livro, desde as atitudes de Maria, até o confronto de Sam.

Como eu não quero prolongar ainda mais essa resenha, que já está enorme, basta dizer que esse foi o melhor livro da série até agora. Tem um ótimo ritmo, é surpreendente e, o melhor, me deixou com aquela sensação de quem teve o doce tirado da boca logo na melhor parte!
E eu me pergunto: por que não comprei Praga de uma vez também, meu Deus, por quê???

35 comentários:

  1. Michelly, já ouvi falar desta série mas não sei exatamente do que se trata. Mesmo assim, li a sua resenha e amei, pois é exatamente este livro que eu procuro, o que te prende. Acho que vou arriscar na leitura e sim, vou comprar todos de uma vez, por precaução rs

    Beijos,
    Caroline, do criticandoporai.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gostei do "por precaução"! kkkkk... Vou ficar torcendo pra que vc goste!

      Excluir
  2. Oi Michelly,
    Já li alguns comentários sobre essa série e fico feliz que você tenha gostado!
    Gosto de ler esses gêneros e a tensão, como você falou, é o que mais me prende na leitura.
    São tantos livros que quero ler este ano, que não sei como farei. rsrs

    Ps. Seu blog é lindo, obrigada por visitar meu cantinho. Estarei aqui mais vezes :)
    Beijos,

    http://versosenotas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelo carinho, Bárbara! Seu cantinho tb é lindo, viu?!

      Excluir
  3. Eu acho que já ouvi falar desta série, mas não fiquei entusiasmada para ler. Pelo visto, você gostou bastante. Sua resenha ficou ótima! Beijos.

    http://livro-apaixonado.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gostei, Júlia,principalmente desse livro. Agora estou ansiosa pelos próximos!

      Excluir
  4. Oiee ^^
    Gone é uma das minhas séries favoritas, lembro que foi um dos primeiros livros que eu li em pouquíssimo tempo e mal consegui dormir por causa dele...haha' Estou com Mentiras aqui para ler, mas acho que vou esperar e comprar Praga, aí já leio os quatro juntos...haha'
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E tem o quinto já tb, Dryh! O título é Medo.

      Excluir
  5. Oi Mi! Não tinha ouvido falar da série, mas me chamou muito a atenção pela sua resenha! Pelo visto, você amou, né?

    Beijos

    albumdeleitura.blogspot.com,br

    ResponderExcluir
  6. Oiii, tudo bem??? Eu não conhecia essa série ainda, mas gostei de conhecer. mas no memoneto estou com tantas leituras que se eu pegar mais séries para ler , estou perdida, ashuahsuahsua. Mas que bom que você está gostando dela =D
    Beijooos
    http://profissao-escritor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gih! Sei bem como é isso de querer ler todos os livros do mundo de uma vez! Minha lista também é interminável!

      Excluir
  7. Ja ouvi falar nessa serie, mas nunca me interessei. Pela sua resenha, hmmm, acho que poderia ler sim u.u
    Ps. seguindo aqui.
    Bjoo
    mundoemcartas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ela é bem boa, viu Markus! hehe... Quem sabe vc não dá uma chance?!

      Excluir
  8. Olá amore, como vai?
    Gostei bastante da sua resenha e entendo seu desespero. É horrível não ter uma série completa e ficar roendo a unha para comprar o próximo rs. Mas enfim, não tinha ouvido falar muito sobre esta série. Mas parece ser interessante, mas no momento é melhor não. Estou lotada de séries por aqui e arrumar uma para me deixar mais ansiosa não é bom haha. Mas adorei a resenha e a dica!
    Beijos e sucesso...
    chuvaelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que vc tenha gostado, Irisvanda! Quem sabe um dia vc não dá uma chance pra Gone, né?! ;)

      Excluir
  9. Olá Michelly, tudo bem?

    Já vi algumas postagens acerca da série, mas não me interessei por ela. Infelizmente fica pra uma próxima.

    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Oi Michelly, tudo bem? Nossa faz uma eternidade que eu não passo por aqui, não é? Falta minha e não tem desculpas de maneira nenhuma, esse ano uma das minhas metas é estar mais presente nos blogs que eu adoro.

    Menina eu já ouvi falar dessa série, mais nunca tinha parado pra ler uma resenha dela. Adoro livros que prendem e amo distopias. Essa é uma série que terei que colocar na minha listinha de desejados.

    Bjks

    Patty Santos
    Blog Coração de Tinta

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tb tava bem sumida lá do seu cantinho, né?! Mas também vou corrigir isso, Patty! E vc tá igual eu, nossa lista de desejados só cresce! hehe

      Excluir
  11. Olá Michelly!
    Não conhecia o livro, mas me interessei bastante. A premissa parece ser interessante e a leitura deve ser daquelas que causam inúmeras emoções.
    Sua resenha me chamou atenção, você conseguiu transmitir o quanto a leitura lhe agradou. Parabéns!
    Beijos

    Li
    literalizandosonhos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que consegui transmitir isso, Aline! Ele é desse tipo de livro mesmo, com altas emoções!

      Excluir
  12. Olá!
    Nunca tinha ouvido falar dessa saga. E fiquei meio confusa por esse ser o terceiro livro se eu não me engano. Vou procurar saber mais e ver se me interessa. A sua resenha está muito boa.
    Beijinhos!
    http://eraumavezolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É o terceiro sim, Suelen. Aqui no blog tem a resenha dos dois primeiros, dá uma olhada lá!

      Excluir
  13. Oi! Tem algum tempo que eu quero ler essa série e depois em um post em um grupo literário me indicaram e eu fiquei com mais vontade. Quando eu não posso comprar um livro/série eu acabo baixando, portanto só me faltava um empurrãozinho. Toda a sua animação no começo da resenha me deu uma animada à mais e eu vou começar a ler logo.
    Só não vou mentir dizendo que li a resenha inteira, pois assim que li "Drake morto" senti que o restante teria outros spoilers :(

    Beijos.
    Blog Cantar Em Verso

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Silviane, e desculpe por isso! É que é muito difícil falar sobre um livro de série sem soltar nada de seus antecessores...:/

      Excluir
  14. Oie, tudo bom?
    Eu não sei muito sobre a série, mas tenho interesse em conhecer. Acho tão bacana quando o autor consegue surpreender dessa forma entre um livro e outro. Tomara que o quarto livro também tenha uma narrativa empolgante e cheia de ação.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Oi Mi!
    Gente, EU SOU DOIDO POR ESSA SAGA. Ja olhei um monte de resenhas e uma amiga me indicou. Não me aventurei na leitura ainda pq o preço dela é salgado. 50 reais o primeiro volume "Gone" e não tem na livraria fisica, ai D: FICO SEMPRE COM UM PE ATRÁS. MAS SE DEUS QUISER, 2015 COM NOVAS PROMESSA, EU LEIO O PRIMEIRO VOLUME.

    Abraços
    David Andrade
    http://www.olimpicoliterario.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dá uma olhada no site da Ponto Frio, David. Lá costuma estar mais barato! ;)

      Excluir
  16. Oi Michelly.
    Eu não acompanho essa série, por mais que eu leia opiniões positivas, não consigo encontrar um diferencial que me atraia.
    Mas é bom saber que a autora, mesmo no terceiro livro, conseguiu manter a narrativa empolgante seguindo uma linha sensata.

    PS: Tem resenha nova no blog, A Formatura, último livro da trilogia o teste, corre lá: http://www.leiturasdapaty.com.br/2015/01/resenha-formatura.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que os próximos também sigam essa linha, Paty!

      Excluir
  17. Olá...tudo bem??

    Ah é tão bom ler resenhas empolgadas rs... apesar de não ter lido nenhum livro da série e ficar um pouco perdida na descrição da resenha, eu gostei... porque ficou mais que nítido o tanto que você gostou da leitura apesar da irritação com Sam e Astrid... eu tinha vontade de ler a série... mas com o tempo perdi a vontade... mas ver a sua animação na resenha me levantou um fio de curiosidade viu... Xero!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse livro realmente me empolgou, Diana! Não tinha como não passar essa empolgação na resenha!

      Excluir
  18. Oi, tudo bem?
    Essa série não me interessou muito, e até gosto quando isso não acontece, porque minha lista de desejados já está infinita, rs.
    Mas que bom que ela te agradou tanto, e que esse livro tenha sido até o melhor para você. Gosto quando os autores não apenas mantém a qualidade em séries, como conseguem aumentar ainda mais.
    Torço para que o próximo te agrade tanto quanto esse;
    beijos
    http://meumundinhoficticio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...