23.2.15

Made in Brasil: As Flores do Ruanda

Hoje o Made in Brasil apresenta mais um livro de um dos autores parceiros aqui do blog, dessa vez As Flores do Ruanda, escrito por Adelson Correia da Costa. Como foi minha primeira parceria com um autor, essa obra tem um gostinho especial. Ele é ambientado numa atmosfera de violência e injustiça, onde a personagem principal parte em busca de ajudar a quem necessita, mesmo que isso implique em sérios riscos à sua vida.

Título: As Flores do Ruanda
Autor: Adelson Correia da Costa
Nº de páginas: 427
Editora: LivroPronto

Sinopse:

As Flores do Ruanda - De 06 de abril a 10 de julho de 1994 ocorreu em um pequeno país centro-africano chamado Ruanda uma matança indiscriminada de milhares de indivíduos da etnia tutsi perpetrada pelos hutus com os quais convivem. As Flores do Ruanda é um romance que relata a épica jornada de um ano de duração de uma médica americana, Dra. Isabelle, inserida em um contexto hostil de guerra civil a serviço da Cruz Vermelha Internacional. O seu contato com os pigmeus africanos denominados twas nos apresenta este povo sofrido que, sem ao menos perceber as razões da matança generalizada, foi impiedosamente chacinado. Expulsos do Ruanda pelos hutus, os tutsis se organizam no exílio do Uganda e fundam a Frente Patriótica Ruandesa, grupo guerrilheiro armado que invade o país a partir do Norte, em busca da retomada do poder político central. Este esforço demanda intensas contendas e batalhas sangrentas, motivando a retaliação hutu por meio do genocídio ruandês, que visou o extermínio da etnia opositora.
 
Sobre o livro: As Flores do Ruanda conta a história da médica Isabelle, uma jovem bem nascida, filha de um senador dos EUA, que vai para Ruanda a serviço da Cruz Vermelha. Chegando em Kigali, a capital ruandesa, Isabelle conhece Mike, o médico que será seu chefe. Mike é um personagem enigmático, daqueles que nós não conseguimos saber quais são suas reais intenções. Isabelle também é apresentada ao bondoso Tharcisse, ao misterioso Mukono e à enfermeira Rose, os quais tornam-se seus grandes amigos. Porém, nem só de amizade e pessoas boas se faz a vida em Ruanda. Muito pelo contrário! Kigali se mostra uma cidade onde impera o desrespeito ao ser humano, sendo que há casos onde pessoas nem são vistas como humanos, como é o caso dos twas. Durante a história a Dra. Isabelle irá assumir os riscos por enfrentar a Interahamwe, uma violenta milícia ruandesa, além de constatar que na guerra somos obrigados a aprender a dizer adeus.

Sobre o autor: Adelson Correia da Costa nasceu no dia 08 de junho de 65 e mora em Pernambuco, onde divide seu tempo entre a escrita e seus afazeres como funcionário público. Além de escrever As Flores do Ruanda, ele também colaborou em uma coletânea de contos natalinos chamado Seleta Cultural de Natal.

Links: resenha, Skoob

2 comentários:

  1. Ahh eu adorei a capa, e a sinopse me trouxe muita curiosidade. Eu adoro ler livros nacionais, você se sente tão perto do autor e da história, que é algo único., Esse livro tem bem o gênero que eu gosto, por isso eu acho que irei adorar. Vou colocar na minha lista! Beijos
    Desfocando Ideias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tomara que vc goste mesmo, Natalia! Depois volta aqui pra me contar, tá?! :)

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...