14.9.15

Made in Brasil: Falcão - Mulheres e o Tráfico

O livro nacional que eu indico hoje é Falcão - Mulheres e o Tráfico, um documentário escrito em parceria por Celso Athayde e MV Bill que mostra a triste e cruel realidade das favelas brasileiras. O foco dessa obra são as mulheres, sendo esta uma continuação do projeto que resultou no livro Falcão - Meninos do Tráfico.


Título: Falcão - Mulheres e o Tráfico
Autores: Celso Athayde e MV Bill
Nº de páginas: 272
Editora: Objetiva

Sinopse:

Em Falcão - Mulheres e o Tráfico, os autores contam histórias de mulheres de diferentes idades, valores e projetos de vida, que de alguma maneira passaram a interagir e, em alguns casos, a integrar a indústria do tráfico de drogas. Este livro é o relato de como os autores conheceram essas mulheres e de sua convivência com elas. Além disso, é também um esforço para que o Brasil conheça a história delas. 







Sobre o livro: depois de oito anos de entrevistas, Falcão - Mulheres e o Tráfico narra as experiências de dezenas de mulheres envolvidas com o tráfico de drogas. São relatos emocionados, duros, e muitas vezes chocantes, de mães que perderam filhos ainda jovens, de mulheres embrutecidas pela violência e que passam a comandar o tráfico com mão-de-ferro, de tristes prostitutas que se vendem por um punhado de drogas - em suma, mulheres que aprenderam a viver sob uma nova ordem moral.

Sobre os autores: Celso Athayde é um ativista social, especializado nas favelas e periferias do Brasil. Autodidata, é fundador da CUFA - Central Única das Favelas, da Favela Holding e do Data Favela. MV Bill é um rapper e escritor brasileiro. Também dedicado às questões sociais, fundou, juntamente com Celso Athayde, a CUFA, além de ser membro ativo de vários outros projetos sociais.

Link: Skoob

2 comentários:

  1. Oiii Michelly

    Imagino que esse livro deve ser ótimo, se tem alguém que conhece bem a realidade da periferia é o MV Bill, acho muito legal esse lado dele meio de ativista social, e admiro porque ele não se contentou em ser apenas um rapper, e tem se esforçado em outras áreas, dando um exemplo escrevendo um livro, enfim, fazendo a diferença. Confesso à ti que não é o meu tipo de livro, essa leitura em geral me deixa chateada, triste, cansada dessa realidade tão terrível que poderia ser melhor se os nossos governantes parassem de se preocupar com o próprio umbigo e olhassem com mais carinho ao seu próprio país. Espero muito um dia poder ver o Brasil, a Argentina aonde eu moro e outros lugares lindos como a Venezuela, Colômbia, poderem dar a volta por cima, deixar para trás essa triste realidade e conseguirem crescer como nações, acho que todos temos só a ganahr não é?

    Beijokas

    naprateleiradealice.blogspot.com.ar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse é mesmo um livro pra nos fazer refletir, Alice, ainda mais que tem origem numa pesquisa série e a gente sabe que tudo ali é a realidade. Acho super coerente sua opinião sobre a forma com que os governantes deveriam olhar nossos países, mas infelizmente a coisa tá estranha aqui na América do Sul, né... :/

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...